A programação do IV Encontro Brasileiro de Autos Antigos que acontecerá de 20 a 23 de abril na cidade de Águas de Lindóia está repleta de atividades e promete agradar aos participantes inscritos. Além da grande e variada exposição de veículos antigos, o evento contará ainda com shows, premiação, workshops e palestras, entre elas “Segurança no Trânsito: Ações Erradas e suas Consequências”, ministrada por Larson Orlando do Detran/PR e “O Antigomobilismo como movimento cultural” apresentada pelo Presidente da Federação Brasileira de Veículos Antigos (FBVA), Roberto Suga.

A primeira palestra “Segurança no Trânsito: Ações Erradas e suas Consequências” acontece na sexta-feira, 21, às 9h no Salão Ônix do Hotel Monte Real e tem duração de aproximadamente uma hora e meia. O palestrante Larson Orlando do Detran/PR destaca que os temas abordados serão voltados não somente aos motoristas, mas também para os não-habilitados, pois estes também poderão orientar quem dirige.

Cinto de segurança, airbag, encosto de cabeça, dirigibilidade consciente, distância de seguimento, álcool, visão periférica, ponto cego, sinalização de trânsito, produtos perigosos, medidores de velocidade (tecnologias), serão alguns dos assuntos abordados por Larson.

Já a palestra do presidente da FBVA, Roberto Suga, que tem como tema “O Antigomobilismo como movimento cultural” está marcada para sábado, dia 22 às 10h30 no Salão Safira do Hotel Monte Real. Segundo o presidente o enfoque principal será sobre as questões que envolvem a preservação de veículos históricos, sobretudo com relação ao reconhecimento, por parte da UNESCO, do veículo antigo de coleção como patrimônio cultural da humanidade.

Roberto Suga falará ainda sobre a história da Federação Brasileira de Veículos Antigos, destacando sua atuação no Brasil e suas atividades junto à FIVA (Fédération Internationale des Véhicules Anciens). Assistindo a essa palestra os participantes também ficarão por dentro cenário brasileiro e internacional do antigomobilismo, bem como dos investimentos no setor.

“O Ano Mundial do Antigomobilismo (2016) não deixará de ser abordado. Muita coisa boa estará em pauta e será discutida nesta edição do EBAA. Haverá informações, curiosidades, interação e esclarecimentos”, adiantou Suga.