Um sítio de 5 acres (20.234 m2) está sendo vendido em Tappen, Canadá. O local conta com uma casa reformada, uma oficina de restauração e uma edificação feita com estruturas de aço e cheia de vigas do mesmo material.

Mas, o que chama atenção é que junto com a propriedade, o dono incluiu uma coleção com nada menos que 340 carros clássicos. Mike Hall (60), proprietário do local, juntou uma frota de veículos que inclui até caminhões antigos.

Os valores estimados variam de US$ 500 a US$ 35.000. A propriedade, porém, está sendo oferecida por CAD 1,45 milhão ou cerca de US$ 1 milhão. Diversos modelos de marcas americanas estão estacionados ao ar livre e com graus variados de conservação, sendo que alguns estão restaurados, tais como um Chevrolet Chevelle 1968.

Existem também exemplares de Ford Model T 1927, Mercury Ute 1947, Dodge Coronet, Dodge Super Bee e Pontiac Beaumont SD. Escalador de rocha em mineração, Hall começou a acumular carros antigos desde os 20 anos, sempre em serviços na região da Colúmbia Britânica, na costa oeste canadense.

O local era um antigo pátio de demolição e por conta da lei de zoneamento de Tappen, a área não pôde ser alterada e a coleção ficou protegida. Porém, Hall está cansado do negócio e de acumular tantos carros antigos, por isso irá vender tudo. Mas, apesar de incluir a coleção, alguns carros – em torno de 100 – estão sendo vendidos através de um site de carros antigos.

Fonte: Jalopnik/Driving.ca